Projeto social desenvolvido em Itaquaquecetuba promove saúde e lazer por meio de esportes

Por Fernanda Ferreira e Ingrid Estevão

Fundado por Felipe Florentino, 26, formado em Educação Física e pós-graduado em Administração e Marketing Esportivo, o projeto Tom de Bola é uma iniciativa que traz o esporte para mais perto de crianças entre 8 e 12 anos de idade. A ação acontece em um bairro carente de Itaquaquecetuba, com ajuda e colaboração de parceiros. Situado na escola municipal Engenheiro Chiozo Kitakawa, no Jardim Caiuby, inclui aulas de futsal aos sábados e voleibol aos domingos, ambos no horário das 8h às 10h.

Filipe Florentino, fundador do projeto – Foto: Geovanna Domingos

Quando terminou sua pós-graduação, Filipe decidiu elaborar algo voltado para a área social. “Achei viável iniciar a ação com o apoio de parceiros, sendo eles patrocinadores e apoiadores”, conta. Os parceiros são moradores, comerciantes e empresários do bairro e redondezas, que ajudam com financiamento e doações, como coletes e bolas.

Quadra da escola – Foto: Geovanna Domingos

Aprovado pela Secretaria da Educação, o projeto contemplaria crianças de 8 a 12 anos do bairro e das proximidades, mas acabou se limitando ao público da própria escola, que possui uma demanda alta, de cerca de 300 alunos nessa faixa etária.
Para Cassia Cristina, mãe de Bruno Fernando, 8 anos, o projeto foi a maneira de proporcionar ao filho o desenvolvimento nos esportes. “Era um sonho dele, mas pelo fato de ser autista e andar com a ponta dos pés, ficava impossibilitado de praticar algum esporte, porque caia muito. Eu dizia que assim que começasse a andar melhor, deixaria que participasse de alguma modalidade esportiva e ele entrou para o Tom de Bola. O primeiro dia foi ótimo e, além de gostar, o esporte o ajudará com o desenvolvimento da coordenação motora ”, declara.

Bruno Fernando e Flávia de Aquiraz, alunos do projeto – Foto: Geovanna Domingos

Filipe contou que seu o maior adversário é a internet, visto que na maioria dos casos as crianças se tornam sedentárias por só ficarem em casa em frente aos aparelhos eletrônicos. Por isso, o professor diz que os pais e responsáveis legais pelas crianças têm um papel fundamental em incentivar a prática do esporte, uma vez que são eles que autorizarão os menores a participarem.
As aulas iniciaram dia 30 de março de 2019. Aos sábados, a turma conta com dois professores e, aos domingos, um professor que tem o auxílio de um voluntário. Pouco mais de 50 crianças estão matriculadas nas modalidades de futsal e voleibol.
Para se tornar um parceiro, ajudar o projeto a se expandir, beneficiando mais crianças, e ficar por dentro das novidades que ocorrem, entre em contato pelo Instagram @tomdebola .

 

Editora - Rebeca Real; 
Pauteira – Alice SantosFotografo – Geovanna Domingos; 
Revisora – Camila Alves.

10 comentários em “Projeto social desenvolvido em Itaquaquecetuba promove saúde e lazer por meio de esportes

  • abril 11, 2019 em 12:14 am
    Permalink

    O esporte é importante para as crianças por vários motivos, além da questão da saúde ajuda a desenvolver o trabalho em equipe e interagir com outras crianças.

    Resposta
  • abril 11, 2019 em 2:03 am
    Permalink

    Parabéns pela iniciativa irmão, precisamos de muitas ações dessa pelo país ! Sucesso

    Resposta
  • abril 11, 2019 em 2:58 am
    Permalink

    Muito legal a iniciativa! O esporte além de fazer bem pra saúde física também auxilia a saúde mental e desenvolve o trabalho em equipe. Parabéns!

    Resposta
  • abril 11, 2019 em 9:28 am
    Permalink

    Parabéns pela iniciativa! O esporte faz muito bem em todos os sentidos

    Resposta
  • abril 12, 2019 em 4:39 am
    Permalink

    Muito bom o projeto, ajuda bastante a comunidade.

    Resposta
  • abril 14, 2019 em 2:18 pm
    Permalink

    O esporte é muito importante. Por que além de proporcionar atividade física, proporciona brincadeira para as crianças em um lugar seguro com a supervisão de adultos capacitados para atender as crianças, além disso ele proporciona um aprendizado para elas tbm.

    Resposta
  • abril 14, 2019 em 2:53 pm
    Permalink

    É mto bom ter um lugar assim para as crianças brincarem. É saírem tbm dessas coisas de internet que acaba com a saúde delas.mto bom o trabalho desenvolvido por esse moço. Por mais pessoas assim. Meninas seus trabalhos tão mto bonito. Continuem assim parabéns.

    Resposta
  • abril 14, 2019 em 3:04 pm
    Permalink

    Mto bom ver trabalhos assim desenvolvidos para as crianças. O esporte é importante na vida dessa nova geração que se exercita pela internet. Fora que além de dar mais saúde proporciona mais lazer. É uma brincadeira de vdd em um lugar seguro. #saúde #lazer #segurança #bricadeira.

    Resposta
  • abril 14, 2019 em 3:07 pm
    Permalink

    Mto bom ver o esporte fazendo parte da vida das crianças. Um trabalho mto importante esse.

    Resposta
  • abril 14, 2019 em 7:11 pm
    Permalink

    Muito bom ter um projeto que alem de proporcionar esporte trabalha com o lazer das crianças. Pois hoje em dia é preciso ter mais espaço assim para que elas briquem de forma segura e ter ao mesmo tempo exercícios. Espero que esse projeto cresça cada vez mais para que mais crianças tenham acesso ao esporte e a brincadeira com muita segurança.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *